SAÚDE

Como prevenir a cárie em bebês

06 de setembro de 2017 , por Equipe Danone Baby

Os pais devem fazer a higiene bucal do bebê mesmo quando ele ainda tem menos de um ano


Mesmo com poucos dentinhos na boca, o bebê pode ficar com cárie. Quem não toma as medidas de higiene necessárias está expondo a criança ao risco de desenvolver a doença, que pode interferir na sua qualidade de vida.

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a cárie é a doença infecciosa mais comum durante a infância. Nos Estados Unidos, por exemplo, é cinco vezes mais frequente do que a asma e sete vezes mais frequente do que a rinite. Ela é causada pela dieta e mesmo o bebê que só se alimenta de leite pode contraí-la.

cárie

Por isso, é preciso fazer uma boa higienização bucal após as mamadas e as refeições. A ingestão de muito açúcar e farinha também pode favorecer o surgimento de “cáries rampantes”, que são aquelas que aparecem nas crianças e deixam vários dentinhos pretos.

O cuidado com os dentes do bebê é essencial para a prevenção da cárie. A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que toda criança deve fazer sua primeira visita ao dentista entre o primeiro e terceiro mês de vida. Se houver alguma patologia bucal, a consulta pode ser feita até antes.

Como evitar a cárie em bebês

Quando o bebê ainda não tiver dentes, os pais ou cuidadores podem passar uma gaze ou fralda molhada em água filtrada na gengiva da criança após cada mamada, para evitar o acúmulo de bactérias e prevenir a cárie.

Após o nascimento do primeiro dentinho, por volta dos seis meses de idade, a responsabilidade da higienização é dos pais. Nessa fase, o ideal é que os pais já tenham sido orientados sobre como fazer a higiene bucal. Até os 14 meses, pode-se utilizar o tecido macio úmido, sempre com água filtrada, para fazer a limpeza.

Por volta dos 14 meses, quando costuma surgir o primeiro molar, os pais já devem ter sido ensinados a usar a escova dental, com cerdas macias e tamanho adequado à boca do bebê. Durante a consulta odontológica, o dentista pode demonstrar como fazer.

A Sociedade Brasileira de Pediatria dá outras recomendações:

– Escove os dentes na frente da criança e dê uma escova infantil para que tente imitar a escovação ou simplesmente morder a escova. O bebê gosta de imitar e, assim, começará a adquirir o hábito de fazer a higiene bucal.

– Mantenha o aleitamento materno por tempo prolongado. Se possível, até os dois anos de idade, fazendo a higienização após cada mamada.

– Todos os membros da família devem ser estimulados a realizar a higienização bucal diariamente. A criança irá seguir os exemplos e irá adotar os bons hábitos.



Referências bibliográficas

Sociedade Brasileira de Pediatria (“Filhos: da gravidez aos 2 anos de idade”)
Sociedade Brasileira de Pediatria (“Aleitamento materno e cárie do lactente e do pré-escolar: uma revisão crítica”)
Associação Brasileira de Odontopediatria (“Assistência odontológica ao bebê – Enfoque doença e cárie dentária”)

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas

Loading...